Quarta-feira, 26 de Abril de 2006

Uma Chuva de Diamantes, Sveva Casati Modignani

      Terminei a leitura de mais este livro de Sveva Casati Modignani. E digo mais este pois tenho seguido atentamente as edições portuguesas dos títulos desta autora e julgo não ter perdido um. Tal com os anteriores, também este livro se lê rapidamente por ser apresentado numa escrita muito leve e feminina. Nesta história, a autora, descreve um percurso de gerações numa família italiana de renome, com os seus segredos, amores e ódios. Mais uma vez, nos apresenta uma narrativa simples sem moralismos ou ensinamentos, apenas experiências de vida com as quais nos identificamos, comovemos ou invejamos.

 

Eis o resumo incluido no livro:

"Um grande editor morre deixando aos filhos e netos um enorme património e um mistério inquietante: uma parte significativa da herança está pura e simplesmente desaparecida. Entre rancores e ciúmes, a leitura do testamento desencadeia uma desenfreada caça ao tesouro. A dominar a situação está Sónia, a nora do magnata – uma mulher generosa, bonita e voluntariosa. Face à crescente tensão na família, será apenas ela a encontrar forças para recomeçar uma nova vida… "

 

Boas Leituras!!     

publicado por Cris às 01:25
link | comentar | favorito
Terça-feira, 25 de Abril de 2006

A minha noção de LIBERDADE

 

 

Por Sophia de Mello Breyner Andresen:

"De todos os cantos do mundo

Amo com um amor mais forte e mais profundo

Aquela praia extasiada e nua

Onde me uni ao mar, ao vento e à lua."

 

Por Manuel Alegre:

"(...)

De mãos é cada flor cada cidade.

Ninguém pode vencer estas espadas:

nas tuas mãos começa a liberdade."   

      

"... e que a voz da igualdade, seja sempre a nossa voz!"

publicado por Cris às 23:38
link | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Abril de 2006

Café!

        Que delícia, a hora do café! Não só porque sabe bem aquela bebida quentinha mas, sobretudo, porque aliada a essa sensação agradável, está, no meu caso, a possibilidade de "dois dedos de conversa", de quebra da rotina e o esquecer por momentos as preocupações do dia-a-dia!

        Sempre achei que o café não podia viciar e duvidava, até, que realmente tirasse o sono! Comigo isso nunca aconteceu! Mas, aprofundando o caso, descobri que acertara na primeira hipótese e me enganara na segunda: o café é um estimulante e, por vezes, pode mesmo tirar o sono. Mas tomado com moderação (até 4 chávenas/dia), o café pode trazer benefícios à saúde humana. Estudos comprovam que o consumo moderado do café pode fazer bem ao coração, proteger contra o surgimento da diabetes do adulto, diminuir o risco de depressão e suicídio, sendo considerada uma bebida natural saudável e adequada para crianças e atletas. Além disso, está provado, ajuda a inibir o desejo de consumir alcool e drogas ilegais e não interfere na absorção do cálcio assim como não causa osteoporose, ao contrário do que muitas pessoas ainda pensam.

Café e Composição Química      

 

E agora, algumas curiosidades:

      "A palavra "café" vem do árabe Kahoua ou Qahwa (o excitante) e designa: o fruto do cafeeiro; bebida preparada por infusão de água quente com café torrado e moído; lugar público onde se tome café ou outras bebidas; cor café, um marrom escuro que lembra o grão de café torrado."

                                         

        "Uma das lendas mais aceites e divulgadas sobre a descoberta do café é a do pastor Kaldi, que viveu na Absínia, hoje Etiópia, há cerca de mil anos. Ela conta que Kaldi, observando as suas cabras, notou que elas ficavam alegres e saltitantes e que esta energia extra se evidenciava sempre que mastigavam os frutos de coloração amarelo-avermelhada dos arbustos existentes em alguns campos de pastoreio.

      O pastor notou que as frutas eram fonte de alegria e motivação, e somente com a ajuda delas o rebanho conseguia caminhar por vários quilômetros por subidas infindáveis."

                                          

      "Os primeiros expressos em Portugal foram vendidos no café A Brasileira, em Lisboa. Muitos clientes acharam o gosto do produto um tanto amargo. Para contornar o problema, a direcção da cafeteria criou um slogan para atrair os clientes: Beba Isso Com Açúcar. A campanha deu certo e a frase ficou tão marcada que o uso das iniciais de cada palavra - bica - passou a ser sinónimo de cafezinho no país."

      Todos estes dados foram recolhidos

aqui!
publicado por Cris às 14:34
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 21 de Abril de 2006

Em Maio!

Myspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter Graphics

 

      Já repararam que no dia 4 de Maio próximo, passados 2 minutos e 3 segundos da uma hora teremos o seguinte resultado:

01:02:03  04/05/06

 

Para pensar:

        "Estamos sós e sem desculpas. É o que traduzirei dizendo que o homem está condenado a ser livre. Condenado, porque não se criou a si próprio; e no entanto livre, porque, uma vez lançado ao mundo, é responsável por tudo quanto fizer."

                                                             J. P. Sartre

 

 

publicado por Cris às 23:27
link | comentar | favorito

O Principezinho

ACASO

"Cada um que passa em nossa vida,
passa sozinho, pois cada pessoa é única
e nenhuma substitui outra.
Cada um que passa em nossa vida,
passa sozinho, mas não vai só
nem nos deixa sós.
Leva um pouco de nós mesmos,
deixa um pouco de si mesmo.
Há os que levam muito,
mas há os que não levam nada.
Essa é a maior responsabilidade de nossa vida,
e a prova de que duas almas
não se encontram ao acaso. "

                       Antoine de Saint-Exupéry

     

        Inicio, desta forma, o meu post de hoje.

       Porque a amizade é muito importante na vida de cada um de nós; porque devemos olhar, com olhos de sentir, aquilo que não se vê ("O essencial é invisível para os olhos...", Antoine de Saint-Exupéry); mas acima de tudo, porque devemos, como o defendia Saint-Exupéry, ser capazes de entender o verdadeiro sentido da vida (pois esquecemo-nos que um dia fomos crianças e que, elas sim, possuem a sabedoria pura e ingénua sobre os valores da vida), recomendo a leitura de um dos livros mais lidos no mundo: O Principezinho, de Antoine de Saint-Exupéry.

                        

 

         O narrador desta história é um piloto com um avião avariado no deserto do Sahara. Aí encontra um rapazinho de outro planeta com quem trava amizade e fica a conhecer um pouco das suas preocupações e vivências. O relato do principezinho é o de uma criança com as suas fantasias, os seus medos, as suas dúvidas em relação às coisas mais simples da vida.

 

 

       " - Onde estão os homens? - acabou finalmente por perguntar o principezinho. - No deserto está-se um bocado sozinho...

        - Também se está sozinho ao pé dos homens - disse a serpente."

###

      " - Só conhecemos as coisas que prendemos a nós - disse a raposa - Os homens, agora, já não têm tempo para conhecer nada. Compram as coisas já feitas nos vendedores. Mas como não há vendedores de amigos, os homens já não têm amigos."

                                 O Principezinho, Antoine de Sait-Exupéry

publicado por Cris às 14:50
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 20 de Abril de 2006

Bolo rápido de Iogurte

 

Deixo-vos a receita rápida e deliciosa do bolo que fiz ontem. Dica da cunhada e amiga Maria João - um beijinho para ela!  

 

Ingredientes:

  • 1 iogurte
  • 2 copos (de iogurte) de açúcar
  • 2 copos (de iogurte) de farinha
  • 1 copo mal cheio de óleo
  • 4 ovos inteiros

 

Preparação:

      Bate-se o iogurte com o açúcar muito bem, junta-se os ovos, a farinha e o óleo. Bate-se bem e vai a cozer em forma untada.

     

      Dica da Zefinha de cujo site retirei a imagem: "Pode-se variar colocando chocolate em pó e meia colher de café de bicarbonato na massa antes de bater, também pode fazer bolo tipo formigueiro misturando um pouco de chocolate granulado depois de batido, usem a imaginação, já fiz com coco, banana..."

 

Curiosidades

                          sobre

                                       o iogurte:

      O leite fermentado que deu origem ao iogurte da actualidade surgiu no Oriente, como o prova o próprio nome "jugurt" que está relacionado com o verbo que significa "misturar". Julga-se que, já no período Neolítico os pastores armazenavam o leite dos animais em bolas feitas de pele de cabra ou em marmitas de barro que em contacto com o calor do corpo dos camelos ou conjugado com as altas temperaturas (até 43º C) acabava por fermentar originando algo parecido com o iogurte.

Mais informações em iogurte.com.

publicado por Cris às 10:22
link | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 19 de Abril de 2006

Camomila

 
        A propósito da curiosidade surgida após uma conversa com a minha amiga Sandra sobre as propriedades dessa planta/erva/flor que dá pelo nome de Camomila, encontrei alguns dados interessantes sobre a origem do nome (gosto de conhecer os porquês dos nomes das coisas!) e as múltiplas utilidades da Camomila. 
        Eis um pouco do que encontrei:

 

Inflorescências da camomila

 

        "Comumente chamada de camomila, esta planta é também conhecida por camomila-comum, camomila vulgar, camomila-dos-alemães, matricária, macela e maçanilha. Esse último nome vem do espanhol manzanilla, que quer dizer pequena maçã. Isso porque a origem da palavra camomila vem do grego antigo e significa maçã-da-terra, pois o seu aroma lembra o do fruto."


Curiosidade:
        "Dizem que a camomila dá muita sorte e ajuda a atrair dinheiro, por isso, em tempos remotos, os jogadores costumavam lavar as suas mãos com chá de camomila antes de jogos importantes."

 

    E, agora, uma pausa para um cházinho... de camomila:

      "O tradicional chá de camomila é reconhecido como um relaxante e tranquilizante natural, que ajuda a tratar problemas provocados por tensão nervosa, como insónia, dores de cabeça, etc."

     Confiram mais aqui:

http://www.jardimdeflores.com.br/ERVAS/A01camomila.html

 

publicado por Cris às 17:52
link | comentar | ver comentários (1) | favorito

Cristina

       

      Hoje resolvi pesquisar a origem do meu nome. Curiosas estas conclusões... como pode  um nome dizer algo sobre a nossa personalidade?!...  pelo menos eleva-nos o ego!

      Eis o resultado:

Cristina –É considerado o feminino de Cristus e deriva do latim tardio Christina. É, então, um nome de inspiração religiosa.Deriva do nome latino “Christina”. A procura do verdadeiro amor, orientada pela lealdade e dignidade, rege a sua existência. Ainda que numa primeira análise possa parecer uma pessoa algo mundana, é no entanto dotada para a diplomacia e dona de uma grande curiosidade. Desta última característica resulta uma mulher que não se furta às aventuras mais ousadas. Uma mulher carinhosa que todavia vai ao encontro dos mais básicos padrões de vida actuais. 

Cristina: Significa escolhida por Deus e indica uma pessoa positiva, otimista, organizada e com grande capacidade de liderança.
Myspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter Graphics
publicado por Cris às 10:24
link | comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Abril de 2006

Mar Me Quer - Mia Couto

 

"Ler dá-te aaasas!"

       

         "A leitura, ressurreição de Lázaro, é levantar a pedra tumular das palavras"

                            Georges Perros, in Como um Romance, de Daniel Pennac

     

        A minha sugestão de leitura para hoje é o livro Mar Me Quer, de Mia Couto, poeta e escritor moçambicano.

        Detentor de uma escrita única, através da qual nos é revelada a sua profunda ligação ao universo africano, Mia Couto sabe brincar com as palavras alterando-lhes sentidos, enriquecendo-as, fundindo-as, o que torna a leitura das suas obras tão especial e, até, enigmática.

        Este livro, de fácil leitura, relata-nos a relação entre duas personagens muito especiais, vizinhas algures em Moçambique: Zeca Perpétuo e Dona Luarmina. Entre memórias do passado e vivências presentes, através de uma linguagem mágica e cativante, vamos conhecendo estas personagens tão peculiares e, por elas, um pouco do universo moçambicano.

 

 

"Sou feliz só por preguiça. A infelicidade dá uma trabalheira pior que doença: é preciso entrar e sair dela, afastar os que nos querem consolar, aceitar pêsames por uma porção da alma que nem chegou a falecer."

                                                 Mar Me Quer, Mia Couto

 

Pensamento do dia:

        "Chaminé que construisse em minha casa não seria para sair o fumo, mas para entrar o céu"

          Dito do avô Celestiano (retirado do livro citado: Mar Me Quer, de Mia Couto)

publicado por Cris às 23:34
link | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 17 de Abril de 2006

Parabéns! Parabéns!

 

Hoje é aniversário da minha cara metade.

Como diz a canção, espero que "tenha tudo de bom, do que a vida contém, muita saúde e amigos também!" E acrescento: que os teus dias sejam sempre pautados pela serenidade e que possas, em todos os momentos, viver a felicidade das coisas simples, são os votos sinceros de quem te quer bem!

 

Falo de ti às pedras das estradas,

E ao sol que é loiro como o teu olhar,

Falo ao rio, que desdobra a faiscar,

Vestidos de Princesas e de Fadas;

 

Falo às gaivotas de asas desdobradas,

Lembrando lenços brancos a acenar,

E aos mastros que apunhalam o luar

Na solidão das noites consteladas;

(...)

                                                   Florbela Espanca

publicado por Cris às 23:30
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Regresso ao ativo...

. O tempo voa...

. Por aqui...

. Mais uma estrelinha brilh...

. Dizem...

. "Vestido" novo ;)

. Uff...

. o que é o sindrome de ASP...

. Brrrrrr....

. Há sempre...

.links

.pesquisar

 

.arquivos

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.tags

. todas as tags