Terça-feira, 4 de Dezembro de 2007

Fendas Labial e/ou Palatina: hoje falamos de dentinhos...

 

      Hoje dirijo-me especialmente às mãezinhas de meninos e meninas que nasceram com fendas labiais e palatinas. Decidi acrescentar mais uma funcionalidade a este cantinho: um espaço de partilha para pais e amigos destas crianças. A ideia surgiu-me na sequência dos contactos que tenho mantido com algumas mães durante os quais partilhamos situações ocorridas com os nossos filhotes e desta forma passamos a lidar melhor com as nossas dúvidas e receios tantas vezes comuns a outras mães!

      Pretendo com isto permitir que esta partilha que se tem efectuado por telefone ou mail entre duas mães possa alargar-se a todas as pessoas que queiram partilhar experiências ou tirar dúvidas no que a estas crianças em particular diz respeito. A todas as mãezinhas ou paizinhos ou amigos... que queiram ver publicadas as suas palavras, basta que mo informem nos comentários. Assim, em cada espaço dedicado a esta partilha os vossos comentários serão integrados no respectivo post. Devo ressalvar que não pretendo uma visão médica mas a experiência de cada um de nós que muitas vezes contraria ou passa ao lado dos tratados médicos!

      Ah! Sugestões... são muito bem vindas!!

.

                      *      *      *      *      *      *      *      *     

.

      Começo com os dentinhos... não por ser o aspecto mais importante a ser abordado (todos têm a sua importância) mas por ter sido a última dúvida que me foi lançada pela Carole, mãe da princesinha Victória!

.

                                         

.

      Os dentinhos do Duarte nasceram praticamente no momento devido: normalmente o primeiro dentinho (incisivo central inferior) surge por volta dos seis meses, no Duarte apareceu aos seis meses e meio sem grandes queixas. Todos os outros foram aparecendo sem alaridos, apenas a afluência de baba aumentava nesses dias... Depois dos incisivos centrais inferiores, os incisivos laterais superiores (um pequeno drácula!), os incisivos centrais superiores e alguns meses depois nasceu apenas um incisivo lateral inferior... o outro nunca chegou a nascer! Entretanto foi completando a dentição e o espaço onde deveria nascer este dente acabou por ser ocupado. A pediatra descansou-nos afirmando que não é invulgar acontecer bebés que nascem com fendas terem um dente ou outro a menos... Consultámos o dentista para termos outra opinião: estranhou a falha ser nos dentes inferiores... vulgar seria na zona superior do maxilar. Tentámos uma radiografia para perceber se o dente não existe ou se terá ficado incluso mas o Duarte ainda não permite que lhe toquem na boca.

      Tirando este pormenor a dentição do Duarte é perfeita e até agora não tem trazido problemas. Incentivamos a sua higiene que é um pouco deficiente pois é feita à "sua maneira"... nenhum de nós pode tocar-lhe no interior da boca!

      Sobre a dentição das pessoas com fenda palatina apenas tenho conhecimento de um rapaz já adulto que teve ao longo da sua adolescência vários problemas com os dentes havendo necessidade de recorrer a aparelhos para corrigir a posição dos dentes definitivos...

 

                  *      *      *      *      *      *      *      *      *     

Isabel (5 Dez.):

Olá,

no que diz respeito ao JOão tudo surgiu normalmente, apenas antes do primeiro dente a baba era tanta mas tanta que ele tinha uma grande irritação à volta da boca, era brutal.. não estou a exagerar quando digo que de meia em meia hora tinha de lhe trocar a babete que ficava completamente enxarcada. E ele ficava todo vermelho na zona do queixo e à volta da boca, usamos um creme que se chama LetiBalm que é miraculoso!
Apenas o primeiro dentinho surgiu antes da operação. Surgiu no dia 16/11 e a operação de união da fenda foi no dia 24/11. A partir daí a baba reduziu bastante e tudo se processou normalmente!
Espero ter ajudado em alguma coisa.

beijos a todas!

Isabel Raposo
.
                     *      *      *      *      *      *      *      *      *           
.
Rita (8 Dez.):
.
aqui vai a história dos dentinhos do santiago... O Santiago nasceu com fenda labio-palatina, unilateral direita e está agora com 18 meses. O seu primeiro dentinho nasceu uma semana antes de fazer 5 meses e apanhou-nos de surpresa, por ser tão cedo e por ser um incisivo lateral superior, colocado mesmo no limite da gengiva, antes da fenda, isto é, sem espaço para qualquer dente a seguir. Os incisivos centrais inferiores nasceram bastante tempo depois, já próximo dos 9 meses, e logo depois nasceram os incisivos centrais superiores, e um deles bastante tortinho... Cerca dos 12/13 meses nasceu um dos incisivos laterais inferiores, sem par, tendo o santiago ficado bastante tempo apenas com 3 dentes em baixo. Os restantes incisvos nasceram até aos 15 meses. O Santiago não tem caninos e estão já a nascer 3 molares, dois em cima, um de cada lado e outro em baixo. Um dos molares superiores, o do lado da fenda, foi também uma surpresa porque nasceu onde eu supus não ser possível, onde pensava ser fenda e não exisitir gengiva. Temos de confirmar com o Prof. Guimarães Ferreira.
Não sei se acontece o mesmo com os outros pais mas nós temos imensa dificuldade em ver o interior da boca do santiago, ele resiste imenso, não sei se é mesmo assim ou se é uma reacção específica de protecção da fenda. O primeiro dente foi uma completa surpresa, só demos por ele já tinha saído bastante da gengiva!
Penso que a dentição do santiago nos vai dar algum trabalho e despesa no futuro, tendo de passar necessariamente pela ortodontia. Vamos ter de esperar para ver o que se passa com os caninos, para saber se querem sair ou se não vão nascer de todo.
.
                    *      *      *      *      *      *      *      *      *   
.
Maria (10 Dez.):
.
    Olá
O meu filho Luis nasceu com fenda labio-palatina e fez um ano no dia 20 de Novembro. Já fez a 1ª cirurgia na Estefânia (lábio, nariz e palato mole) e retoma o processo em Janeiro para a cirurgia ao palato duro. O Luis tem actualmente os dois incisivos centrais inferiores e dois centrais superiores, sendo que um dos superiores e que se encontra perto da fenda começou desde o inicio a tomar um sentido diferente, mas penso que é normal.
O Luis range muito os dentes e tambem não nos deixa ver em condições o interior da boquinha. Preocupa-me este assunto da dentição. Informei-me com algumas corectoras de seguros pela questão de ortondia e sequencialmente terapia da fala, mas infelizmente crianças portadoras de "deficiência genética" são excluidas de qualquer seguro. A não ser que esse seguro seja feito antes de ser detectado o problema!!!...
    

.

.

                                 *            *            *            *           
.

.
Para ajudar na identificação dos dentinhos:
.

        

.
                                            in: http://odontologika.uol.com.br/guia_da_denticao.htm
publicado por Cris às 22:58
link do post | comentar | favorito
26 comentários:
De Isabel Raposo a 5 de Dezembro de 2007 às 11:06
Olá,

no que diz respeito ao JOão tudo surgiu normalmente, apenas antes do primeiro dente a baba era tanta mas tanta que ele tinha ~uma grande irritação à volta da boca, era brutal.. não estou a exagerar quando digo que de meia em meia hora tinha de lhe trocar a babete que ficava completamente enxarcada. E ele ficava todo vermelho na zona do queixo e à volta da boca, usamos um creme que se chama LetiBalm que é miraculoso!
Apenas o primeiro dentinho surgiu antes da operação. Surgiu no dia 16/11 e a operação de união da fenda foi no dia 24/11. A partir daí a baba reduziu bastante e tudo se processou normalmente!
Espero ter ajudado em alguma coisa.

beijos a todas!

Isabel Raposo
De Cris a 5 de Dezembro de 2007 às 12:36
Olá Isabel!
Obrigada pelo teu testemunho, espero que não te importes que o publique no post...
Alguma sugestão? Eu agradeço!

Beijinhos para ti e para o Joãozinho!
De carole resende a 5 de Dezembro de 2007 às 15:59
Ola ! a todos, muito obrigado Cris tu realmente és um espataculo confeso que a parte dentaria destes bebés me preocupava bastante mas assim ja vi que ja temos 2 casos diferentes o Duarte a quem faltou um dente e o João a quem não faltou nenhum só me resta aguardar para ver se a minha maravilha ( que nasceu a 07 do 07 de 07 ) vai ter os dentinhos todos ja agora aproveito para falar sobre as papas e a sopa e que Janeiro esta quase ai e ela vai começar os solidos agradeço todas as experencias
é mais uma vez Cris muito obrigado volto a dizer tu foste um farol que me aparceu no meio do nevoeiro eu ja estava a entrar em depressão por nao ter ninguem com conhecimento de causa com quem falar e que a informação sobre estes bebés é quase nula .
Mil beijos para todas as Mamãs e bebés especiais mas principalmente para a Cris e para a Sofia que colocou os nossos nomes na lista obrigado.
De Cris a 5 de Dezembro de 2007 às 17:15
Olá Carole!
Não tens de agradecer... há algum tempo que eu vinha pensando em fazer algo no género. Sei bem o que foi para mim caminhar no escuro e como foi importante conhecer outras mães e bebés que vivem a mesma realidade... sentimo-nos muito mais aliviadas e serenamos as nossas preocupações!
Vou "agarrar" mais essa tua sugestão para tema de partilha e um dia destes voltamos a "conversar", desta vez sobre a introdução dos sólidos na alimentação dos bebés com fendas!

Beijinhos para ti e para a tua maravilha!
De Andreia do Flautim a 7 de Dezembro de 2007 às 14:49
Bom fim de semana!
De Rita Vasconcelos a 8 de Dezembro de 2007 às 23:57
Olá Cristina, aqui vai a história dos dentinhos do santiago... O Santiago nasceu com fenda labio-palatina, unilateral direita e está agora com 18 meses. O seu primeiro dentinho nasceu uma semana antes de fazer 5 meses e apanhou-nos de surpresa, por ser tão cedo e por ser um incisivo lateral superior, colocado mesmo no limite da gengiva, antes da fenda, isto é, sem espaço para qualquer dente a seguir. Os incisivos centrais inferiores nasceram bastante tempo depois, já próximo dos 9 meses, e logo depois nasceram os incisivos centrais superiores, e um deles bastante tortinho... Cerca dos 12/13 meses nasceu um dos incisivos laterais inferiores, sem par, tendo o santiago ficado bastante tempo apenas com 3 dentes em baixo. Os restantes incisvos nasceram até aos 15 meses. O Santiago não tem caninos e estão já a nascer 3 molares, dois em cima, um de cada lado e outro em baixo. Um dos molares superiores, o do lado da fenda, foi também uma surpresa porque nasceu onde eu supus não ser possível, onde pensava ser fenda e não exisitir gengiva. Temos de confirmar com o Prof. Guimarães Ferreira.
Não sei se acontece o mesmo com os outros pais mas nós temos imensa dificuldade em ver o interior da boca do santiago, ele resiste imenso, não sei se é mesmo assim ou se é uma reacção específica de protecção da fenda. O primeiro dente foi uma completa surpresa, só demos por ele já tinha saído bastante da gengiva!
Penso que a dentição do santiago nos vai dar algum trabalho e despesa no futuro, tendo de passar necessariamente pela ortodontia. Vamos ter de esperar para ver o que se passa com os caninos, para saber se querem sair ou se não vão nascer de todo.
Bom, espero que este bocadinho seja útil.
Vou gostar de saber como foi a introdução dos sólidos com os outros bebés, nós tivémos imenso trabalho e ainda hoje é complicado, mesmo depois da operação ao palato duro.
Beijinhos para ti Cristina e também para todos os papás e mamãs que passam por aqui.
De Cris a 9 de Dezembro de 2007 às 19:54
Olá Rita!
Muito obrigada pelo teu testemunho!
Publiquei a parte que diz mais directamente respeito a este assunto!
Também espero que esta partilha possa ser útil a quem por aqui passa para saber mais sobre estas crianças!

Beijinhos para ti e para o Santiago.
De Maria Henriques a 10 de Dezembro de 2007 às 18:02
Olá
O meu filho Luis nasceu com fenda labio-palatina e fez um ano no dia 20 de Novembro. Já fez a 1ª cirurgia na Estefânia (lábio, nariz e palato mole) e retoma o processo em Janeiro para a cirurgia ao palato duro. O Luis tem actualmente os dois incisivos centrais inferiores e dois centrais superiores, sendo que um dos superiores e que se encontra perto da fenda começou desde o inicio a tomar um sentido diferente, mas penso que é normal.
O Luis range muito os dentes e tambem não nos deixa ver em condições o interior da boquinha. Preocupa-me este assunto da dentição. Informei-me com algumas corectoras de seguros pela questão de ortondia e sequencialmente terapia da fala, mas infelizmente crianças portadoras de "deficiência genética" são excluidas de qualquer seguro. A não ser que esse seguro seja feito antes de ser detectado o problema!!!... partilho e identifico-me convosco em muitas situações já expostas e felicito a cris por esta iniciativa. Irei colocar duvidas (tenho milhares...) e tentarei contribuir com a minha experiência tal como tenho feito com alguns casais que fui "encontrando" nos coredores da Estefânia. Um beijo grande para todas e especialmente para todos os nossos meninos e meninas.

Maria Henriques
De Cris a 10 de Dezembro de 2007 às 20:05
Olá Maria!
Muito bem vinda a esta pequena "comunidade" e muito obrigada pelo teu testemunho!
Acho que o que leva estas crianças a não nos permitirem verificar as suas boquinhas é mesmo esse instinto de defesa depois de terem sido "mexidas" numa zona tão sensível!
Não sei se já te informaste na Segurança Social: estes bebés têm direito a um subsídio que, embora seja muito pouco para os gastos que temos com eles, sempre é uma ajuda! Agradeço esta informação à Rita... por desconhecimento só tratei do pedido já o Duarte ia a caminho dos dois anos!

Um beijinho para ti e para o Luís.
De Rita Vasconcelos a 10 de Dezembro de 2007 às 23:35
E já te tinha dito que eu não tenho direito a este subsídio? Tanto eu como o rui descontamos para a caixa dos advogados e não para a segurnaça social. Isto descobri depois de ter apresentado o meu pedido, a 26 de Outubro de 2006, apesar de ainda não ter resposta da Segurnaça Social. Está "em análise". Bjs
Ah, obrigada pelo esquema do dentinhos... grande ajuda ;)
De Cris a 11 de Dezembro de 2007 às 13:43
Olá Rita!

A resposta da Segurança Social não demorou muito mas como fizemos o pedido já tarde já não recebemos o valor na totalidade. Recebemos agora cerca de 50 euros mensais mas porque ele continua a ser acompanhado na Terapia da Fala, porque quando estas sessões deixarem de ser necessárias (e acho que isso acontecerá em breve!) julgo que o subsídio terminará!

O esquema já veio um pouquito tarde mas pode ainda ser útil!

Beijinhos
De Maria Henriques a 11 de Dezembro de 2007 às 10:19
Bom dia,
Felicito a Cris pela sua colocação!?! e envergonho-me do pais onde vivo pela forma como os "nossos" professores são tratados! EDUCAÇÃO E SAÚDE!!! daria para eu comentar o resto do dia mas não posso. Fica a minha solidariedade! Quanto ao "subsidio" para os nossos meninos, foi exactamente pela informação da cris que fiquei a saber, só ainda não tive coragem! não é que não precise porque sei que as despesas vão ser muitas mas tenho três filhos, todos diferentes, todos iguais e custa-me "identificar" em particular o Luis, mas quando resolver este "meu" dilema tratarei do assunto. Ainda sobre os "dentinhos" TODOS OS DIAS FLUOR! beijinhos
De Cris a 11 de Dezembro de 2007 às 13:37
Bom dia Maria!
Muito obrigada pela solidariedade! Já estou só com Português, resolveram-me este caso. Só fico triste porque juntando às três noites de aulas, a noite de sexta e todo o sábado com a Pós-graduação, quase não terei tempo de estar com os meus filhos!

Quanto ao subsídio o que recebemos não é muito (cerca de 50 euros por mês) mas vai ajudando para pagar algumas consultas a que vamos no particular para sabermos, de consciência, que o Duarte vai tendo o melhor acompanhamento no seu crescimento!

Já não dou fluor ao Duarte... bem ou mal (mais para mal, diga-se de passagem!) lá vai lavando os dentinhos duas a três vezes por dia com uma "ervilhinha" de pasta dentífrica.

Beijinhos
De Gisela a 12 de Fevereiro de 2008 às 16:36
Olá,

O diogo nasceu com fenda palatina, ele fez agora 1 aninho e em termos de dentição já tem bastantes dentes, no entanto na arcada superior os dentinhos estão bastante tortos. será normal?

Quanto ao subsidio do Diogo ele está a receber da Segurança social. Eu fiz o seguro na multicare e eles comparticipam todos os tratamentos inclusivé cirurgias.



De Cris a 12 de Fevereiro de 2008 às 16:45
Olá Gisela!

Pelo que tenho ouvido, julgo que é normal os dentinhos destas crianças nascerem um pouco tortos, sobretudo os superiores. Parece que teremos de nos preparar pois tudo indica que grande parte destas crianças necessitará de algum tipo de correcção dentária ao longo da sua vida!

Desconhecia a possibilidade do seguro...

Beijinhos
De Rita Vasconcelos a 27 de Fevereiro de 2008 às 12:01
Olá Gisela.
O teu seguro foi feito ainda na gravidez, não foi?
Se incluirmos o bebé antes de detectada a malformação, as seguradoras são obrigadas a cobrir.
Não nos apanham distráidos mais vez nenhuma, dae uma próxima gravidez incluímos o bebé imediatamente, antes que detectem seja o que for!
Bjs
De diana a 16 de Março de 2009 às 12:37
ola a todas.encontrei o vosso blog quando pesquisava sobre fendas labiais e palatinas. estou gravida de 5 meses e foi detectado na minha menina esta situaçao. vou fazer amiocentese amanha e confesso que estou em panico, quer pela questao ja diagnosticada mas sobretudo pelas que ainda estao no ar...quero ser forte para transmitir essa força à minha Catarina, mas esta a ser dificil. como foi convosco?quando souberam?como reagiram?sao tantas as duvidas e receios que me assolam...vou ser mae pela primeira vez...beijinhos a todas
De Cris a 16 de Março de 2009 às 15:37
Olá Diana

Antes de mais deves tentar (sei que é difícil) manter a serenidade possível para a transmitires à tua bebé. Hoje em dia estas crianças têm um apoio fabuloso quer da parte clínica quer pela nossa parte (pais) que somos cada vez mais informados e conseguimos fazê-los sentirem-se crianças perfeitamente normais. E como são nossas são sempre as mais especiais.
Aqui no blog na barra lateral direita em Fenda Palatina, clica no item Grupo SORRISOS e inscreve-te. Encontrarás um grupo de pais dispostos a partilhar a sua experiência com os seus bebés e a ajudar-te com alguma dúvida...

Um beijinho
De diana a 16 de Março de 2009 às 21:50
cris obrigada pelo conselho...eu bem tento...mas volta e meia vou-me a baixo...e ai ainda me sinto pior, pois sinto que não estou a ter a força que a minha filha precisa e merece que eu tenha...
De Cris a 16 de Março de 2009 às 22:28
Olá Diana
Revejo-me nas tuas palavras há uns meses, anos atrás... desesperei por sentir que não conseguia... quase baixei os braços... Afinal o Duarte é hoje uma criança tão ou mais activa, faladora, traquina (ui!) que qualquer outra e eu concluo que desanimei sem motivo pois foi-me dado o privilégio de conhecer e ter como meu, o garoto mais maravilhoso (em pé de igualdade com o meu outro reguila, claro!) que existe à face da terra!!
Não te aconselho a ler muita informação que corre na Net e nos deixa mais preocupadas... fala com outros pais que sentem o mesmo e melhor compreendem a angustia que tantas vezes vai cá dentro!! Passa no blog da Isabel (Estrelas e Margaridas) no da Sofia (todos na minha listinha de links), contacta-me se quiseres (cris.bel112@sapo.pt) e dedica todo o teu amor a esse serzinho maravilhoso que trazes dentro de ti e que (eu acredito) te escolheu por seres a melhor mãe para cuidar dela!!

Um beijinho
De diana a 20 de Março de 2009 às 11:52
cris, quando penso que ja estou a conseguir lidar melhor, la vem as lagrimas e os mil e um pensamentos e duvidas...e o medo...de nao ter em mim a força que precisarei para transmitir a minha filha...o medo de nao estar à altura...o medo de nao ser a mãe que a catarina merece...pensar isto magoa-me tanto...e no entanto nao consigo afastar estes pensamentos...

Comentar post

.mais sobre mim

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Regresso ao ativo...

. O tempo voa...

. Por aqui...

. Mais uma estrelinha brilh...

. Dizem...

. "Vestido" novo ;)

. Uff...

. o que é o sindrome de ASP...

. Brrrrrr....

. Há sempre...

.Leitura do momento...

Diz-me Quem Sou

.links

.pesquisar

 

.arquivos

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.tags

. todas as tags